Faculdade Metropolitana
Imagem de diversos certificados enrolados por laços vermelhos, representando a conclusão de cursos ou eventos.

Como funciona e o que é a prova de títulos?

Em busca de estabilidade financeira e crescimento profissional, muitos tentam conquistar uma vaga no setor público por meio de concursos. Esse processo exige um preparo significativo, uma vez que a concorrência é alta. Entretanto, poucos estão por dentro dos detalhes envolvidos na prova de títulos, que pode ser fundamental para a pontuação do candidato.

Você sabe o que é a prova de títulos e como se dá o seu funcionamento? A seguir, confira tudo sobre o assunto! 

Bolsa de Pós- Graduacao com 75% de desconto.

O que é prova de títulos?

A prova de títulos consiste em uma análise curricular com objetivo de selecionar aquele que está melhor preparado considerando a sua trajetória educacional e profissional.

Conforme o inciso II do Artigo 37 da Constituição Federal, a legislação brasileira determina que os concursos públicos podem abarcar somente as provas objetivas e, além delas, a prova de títulos. Assim, após a aprovação nas provas eliminatórias, esses candidatos serão convocados para outra etapa. 

Por isso, nessa fase, o participante deverá apresentar documentos que comprovem a sua formação, como diplomas e certificados.

>> Leia também: Como funciona um concurso público? E confira as 10 principais dicas para se sair bem em um concurso!

Como é feita a prova de títulos?

Depois da classificação nas provas objetivas, os candidatos são convocados a apresentar os seus documentos comprobatórios. É imprescindível estar atento ao prazo de envio dos documentos e como eles deverão ser apresentados: presencialmente ou pelos correios. Essas informações podem ser consultadas no edital do certame. 

Aqui é importante destacar que a prova de títulos não possui caráter eliminatório. Isso significa que ela é classificatória, visto que pode ajudar a aumentar a pontuação do candidato, mas não eliminá-lo. 

Os documentos aceitos pela banca avaliadora podem variar de acordo com cada edital. Entre aqueles considerados com maior frequência, estão: graduação, mestrado, doutorado, cursos de especialização, pós-graduação, MBA e comprovação de experiência profissional no campo de atuação.

Imagem de diversos certificados enrolados por laços vermelhos, representando a conclusão de cursos ou eventos.

Como é feita a prova de títulos?

Depois da classificação nas provas objetivas, os candidatos são convocados a apresentar os seus documentos comprobatórios. É imprescindível estar atento ao prazo de envio dos documentos e como eles deverão ser apresentados: presencialmente ou pelos correios. Essas informações podem ser consultadas no edital do certame.

Pessoa vestindo traje tradicional de formatura, segurando um certificado de conclusão em papel, enrolado em um laço vermelho.

Aqui é importante destacar que esse tipo de prova não possui caráter eliminatório. Isso significa que ela é classificatória, visto que pode ajudar a aumentar a pontuação do candidato, mas não eliminá-lo.

Os documentos aceitos pela banca avaliadora podem variar de acordo com cada edital. Entre aqueles considerados com maior frequência, estão: graduação, mestrado, doutorado, cursos de especialização, pós-graduação, MBA e comprovação de experiência profissional no campo de atuação.

Como funciona a avaliação dessa prova?

A sua pontuação também varia conforme o edital, pois cada um poderá levar em consideração documentos diferentes e atribuir a eles pontuações distintas.

Nessa perspectiva, todas essas informações deverão estar muito bem detalhadas no edital, fazendo com que todos os candidatos compreendam quais títulos serão aceitos na avaliação e como ela acontecerá.

No geral, os pesos atribuídos aos títulos podem ser maiores de acordo com a importância da experiência profissional ou da formação acadêmica para o exercício da função.

Além disso, os concursos definem uma pontuação máxima para cada quesito, o que também pode ser consultado no edital.

>> Entenda também: Nota de corte em concursos públicos: por que é importante saber?

E, enfim, para que serve essa prova?

É evidente, portanto, que o principal objetivo da mesma é selecionar o candidato que possui a melhor classificação de acordo com a sua formação profissional e educacional.

Mulher sentada em um sofá em ambiente residencial, estudando através de um laptop em seu colo.

Como se preparar para a prova de títulos? 

Mesmo com uma rotina apertada, é possível se preparar para essa etapa – e as demais de um concurso público – ao contar com uma formação de qualidade. Os cursos online são uma ótima opção para estudar de uma maneira flexível e garantir certificados, os quais são de suma importância para concluir essa etapa referente aos títulos com maestria.

O Estude Sem Fronteiras oferece uma gama de cursos online de aperfeiçoamento e extensão, além de pós-graduação nas mais diversas áreas. 

Para a prova de títulos, também é preciso ressaltar que a certificação deve ser obtida por meio de uma instituição reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) – e o Estude Sem Fronteiras é o único portal de educação que emite o certificado por uma instituição nota máxima no MEC!

>> Confira mais: Os 10 Melhores Métodos de Estudo!

Conheça o Estude Sem Fronteiras

Invista em sua formação a partir de qualquer lugar do Brasil. Nós contamos com os melhores profissionais e materiais atualizados para te garantir relevância no mercado de trabalho e uma formação humanizada. Com apenas alguns cliques você pode se inscrever em um de nossos cursos online e iniciar sua carreira profissional!

O Estude Sem Fronteiras é um portal de educação da Faculdade Metropolitana, credenciada pelo Ministério da Educação (MEC), que oferece cursos de Extensão, Aperfeiçoamento, Aprimoramento e Pós-Graduação 100% online.

Clique abaixo para acessar o site do Estude Sem Fronteiras e conhecer mais sobre nossos Cursos de Aperfeiçoamento e Pós-Graduação Online!

 

ACESSE OS CURSOS!

Júlia Cintra Terra

Graduada em Filosofia pela Universidade Federal de São João Del-Rei e Letras pelo Centro Universitário Barão de Mauá. Pós-Graduada em Ensino de Filosofia pela Universidade Federal de São João Del-Rei. Experiência como Educadora no Sistema de Educação Básico e Superior, nas áreas de Filosofia e Língua Portuguesa. Atua como Professora/Tutora da Graduação e Pós-graduação da Faculdade Metropolitana do Estado de São Paulo e da Faculdade de Tecnologia, Ciências e Educação - FATECE.

Faculdade Metropolitana